Últimos artigos e notícias sobre sobre tecnologia na Radiologia

A radiografia e a medicina moderna

A Radiografia se consolidou como uma importante ferramenta para a medicina, proporcionando excelentes imagens e diagnósticos. Seu início remonta ao século XIX com o descobrimento dos Raios-X por Wilhelm Roentgen, ganhador do Prêmio Nobel de Física. Isso possibilitou, inicialmente, observar fraturas no tecido ósseo e, hoje, já se vê muitas outras estruturas do corpo humano. Contudo, ainda vemos grande preocupação com as doses de

Um novo método para detecção de recidiva local do câncer de próstata: PSMA PET-CT

O câncer de próstata, depois do câncer de pele, é a neoplasia maligna mais comum no ocidente. É o subtipo mais comum e a segunda principal causa de mortalidade por câncer entre homens no Reino Unido e nos Estados Unidos.  A condução do câncer de próstata não é fácil, visto os desafios no estadiamento preciso e na previsão do prognóstico da doença, resposta ao

A Telemedicina descomplicada

Telemedicina, ou telessaúde, é um termo que compreende qualquer atividade médica que envolva a telecomunicação. Em síntese, reforça a relação médico-paciente através do uso de sistemas de comunicação a distância, como a internet. Ou seja, quando a distância é um fator crítico para os cuidados clínicos, a tecnologia é explorada em diversas perspectivas. No Brasil, o CFM (Conselho Federal de Medicina) institui normas e

Controle de qualidade em equipamentos para diagnóstico por imagem

Quando o assunto é diagnóstico por imagem, uma das questões pertinentes é o controle de qualidade dos equipamentos. Quanto é possível confiar nos aparelhos onde se realizam os exames? Pequenas alterações no processo de aquisição das imagens podem gerar gigantescas divergências no resultado. Isto é, problemas de regulagem e manutenção de equipamentos (ressonância magnética, tomógrafo, raio-x) podem gerar exames com imagens não fidedignas ao

A importância do uso de protocolos de exame adequados para cada doença

Nos últimos anos, vivemos um incrível desenvolvimento das tecnologias, sendo notória a utilização de muitas dessas na área da Radiologia. Dentre elas, podemos citar o desenvolvimento de equipamentos com capacidade de detecção muito maior, além do desenvolvimento de sistemas e redes dedicadas à saúde. Esses avanços permitem a comunicação e a acessibilidade aos exames e informações do paciente pelo médico a qualquer momento, e

7 Dicas para Reduzir Custos em Centros de Diagnóstico por Imagem

A gestão eficiente de custos e de tomadas de decisões tem administrado importante espaço nos ambientes internos das empresas. Considerando-se que o mercado, em presente circunstância, não sustenta as passagens de custos com aumento excessivo, gestores têm se desdobrado para conter suas despesas. Ignorar o controle e a direção de operações financeiras de uma organização pode comprometer a sustentabilidade do negócio. Isto posto, administradores

O uso de metamateriais e a evolução da ressonância magnética

A imagem por ressonância magnética tem representado um excelente avanço à medicina moderna, sendo um popular método de diagnóstico estabelecido na prática clínica. Ao mapear a posição de moléculas de águas no organismo, o aparelho de ressonância magnética submete o local a um campo magnético, alinhando os núcleos de átomos de hidrogênios e formando “pequenos imãs”. Em seguida, ondas de rádio são emitidas em determinadas

Novos protocolos de imagem propõem redução do uso do gadolínio no acompanhamento de pacientes com Esclerose Múltipla (EM)

Uma novidade pode chegar em breve para os pacientes portadores de esclerose múltipla (EM). Uma vez que podem ser rotineiros os exames de ressonância nuclear magnética (RM) nesta população, e, hoje, em geral, o padrão é a utilização de altas doses de agentes de contraste à base de gadolínio (GBCAs) durante os exames, um protocolo mais recente promete reduzir significativamente seu uso, de forma

4 Razões pelas quais Inteligência Artificial não Substituirá os Radiologistas

Inúmeros artigos foram escritos nos últimos anos sobre a substituição de radiologistas pela inteligência artificial. A maioria deles prevê a extinção da profissão, da mesma maneira que ocorreu a dos dinossauros no período Jurássico. De acordo com artigo publicado na revista Radiology: Artificial Intelligence, os radiologistas não devem ter medo de serem substituídos pela máquina, desde que estejam abertos para abraçar a inteligência artificial

IA (Inteligência Artificial) – Mais um avanço

Um respeitado fornecedor de análise de imagens médicas e plataformas projetadas para auxílio automatizado aos radiologistas na elucidação em diagnóstico por imagem, usando a IA (inteligência artificial), obteve o aval da FDA (Food and Drug Administration) – agência americana referência como responsável por fiscalizar, proteger e promover a saúde em vários aspectos, incluindo na área de diagnóstico por imagem),  para uma nova solução de